domingo, 30 de junho de 2013

NAMORADA DE GUERRA




 Na Guiné, era assim... a vida do combatente.


2 comentários:

Fmaria Mesquita disse...

Gostei muito. Editei em lacos. Infelizmente relata uma realidade que existiu. Pena que a guerra continue a existir...

RAMA.LYON disse...

É verdade...Creio que por muitos séculos ainda, o mundo não deixará de ter guerras, para os ''senhores'' dessa 'coisa', terem com que se entreterem e enfiando umas coroas ao bolso.